Mundo

Suspensão

Boeing recomenda suspensão de voos de aviões 777 após falha de motor

Acidente ocorreu em voo de Denver, no Colorado, para Honolulu


Agência Brasil
22/02/2021 às 12h54min

- Foto: Divulgação


O fabricante norte-americano Boeing recomendou hoje (22) a suspensão dos voos de 128 aviões do modelo 777, um dia após incêndio no motor de um aparelho em pleno voo, no estado do Colorado.

"Enquanto a investigação [das autoridades] está em curso, recomendamos suspender as operações dos 69 aviões 777 em serviço e dos 59 em armazém com motores Pratt & Whitney 4000-112", disse a empresa em comunicado.

No sábado (20), um Boeing 777-220 da companhia norte-americana United Airlines, que decolou de Denver, no Colorado, com destino a Honolulu, no Hawaí, com 231 passageiros e dez membros da tripulação, foi forçado a regressar ao aeroporto de onde partiu, depois de o motor direito se incendiar em pleno voo.

O avião aterrissou em segurança no aeroporto de Denver e nenhum dos ocupantes ficou ferido.

Imagens filmadas por um passageiro do voo UA328 mostram o motor direito em chamas, com a fuselagem destruída. Partes do motor caíram numa área residencial, sem no entanto provocar feridos.

Nesse domingo (21), o regulador norte-americano para a aviação exigiu inspeções urgentes aos aviões Boeing 777 equipados com o mesmo tipo de motor.

Comentários