image


Recursos

Prefeito pede aval da CMM para emprestar R$ 470 milhões do Banco do Brasil

Mensagem governamental chegou nesta terça-feira, 6, no Poder Legislativo municipal
image Crédito: Divulgação
Fonte: Valéria Costa - Há 1 semanas

Mensagem do prefeito David Almeida (Avante), que chegou nesta terça-feira, 6, à Câmara Municipal de Manaus (CMM), pede autorização da casa legislativa para contrair empréstimo, junto ao Banco do Brasil, no valor de até R$ 470 milhões. A matéria deve ser deliberada em plenário nesta quarta e, a exemplo das últimas propostas de lei do Executivo municipal, deverá tramitar em regime de urgência e ser aprovada num curto espaço de tempo.

O projeto de lei 126/21 explica que os recursos, uma vez autorizados, serão aplicados dentro do Programa de Melhoria da Infraestrutura Urbana e Tecnológica do Município de Manaus (Prominf) para investimentos na melhoria da infraestrutura e da mobilidade da capital, como a interligação dos principais trechos viários da cidade, além de projetos nas áreas da educação, saúde, limpeza urbana, meio ambiente e o Centro Histórico.

Esse é o primeiro pedido de empréstimo da gestão de David Almeida, que completa no próximo sábado, 10, 100 dias de gestão à frente do Poder Executivo municipal.

Conforme a proposta de lei, o contrato financeiro terá prazo de 180 meses para ser quitado e com garantia da União.

Na gestão anterior, o ex-prefeito Arthur Neto (PSDB) realizou pelo menos três empréstimos junto ao Banco do Brasil para investimentos, também, em infraestrutura.

 

Leia aqui a proposta na íntegra

Tags