image


Procurador

MPAM prorroga trabalho remoto até o dia 5 de abril

A medida foi determinada pelo Ato da Procuradoria-Geral de Justiça
image Crédito: Divulgação
Há 3 semanas

O Ministério Público do Amazonas (MPAM) prorrogou até o dia 5 de Abril a suspensão do trabalho presencial em todas as suas unidades, da capital e interior. A medida foi determinada pelo Ato da Procuradoria-Geral de Justiça, assinada pela Procurador-Geral de Justiça, Alberto Rodrigues do Nascimento Júnior.

Ato nº 046/2021/PGJ, publicado na edição desta sexta-feira (26/03) do Diário Oficial Eletrônico do MP (DOMP), reafirma os itens do ato que instituiu o trabalho remoto dentro do MPAM no dia 7 de janeiro, considerando a indicação exarada pela Fundação de Vigilância deSaúde do Amazonas quanto ao cenário estadual de "alto risco",comumente denominada como "fase 3 ou vermelha" disponível no sítioeletrônico da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas.

O ato visa a necessidade de evitar a afluência de pessoas a ambientes fechados da instituição, onde a probabilidade de infecção aumenta exponencialmente e tem o objetivo principal de proteger a integridade de saúde de membros, servidores, estagiários e colaboradores do Ministério Público, bem como a população que é atendida presencialmente em suas dependências.