image


Fins de semana

Para frear avanço da Covid, prefeita decreta lockdown em Figueiredo

No boletim desta terça-feira, 6, a cidade registrou 5.649 pessoas infectadas
image Crédito: Divulgação
Fonte: Jefter Guerra - Há 1 semanas

Após Presidente Figueiredo receber mais de 10 mil visitantes a cada final de semana, vindas de Manaus e municípios adjacentes, gerando o aumento do casos de pessoas infectadas pela Covid-19, a prefeitura do município publicou, na última segunda-feira, 5, um novo decreto para restringir a circulação de pessoas na cidade. 

No boletim desta terça-feira, 6, a cidade registrou que 5.649 pessoas já foram infectadas e 88 mortas pela doença.

De acordo com a prefeita, Patrícia Miranda, o objetivo da medida é evitar o aumento no número de casos de Covid-19. “Estávamos recebendo um total de 10 mil visitantes todo final de semana nas nossas cachoeiras e na própria cidade. O problema dessas visitas, é que as pessoas não estavam preocupadas com as normas sanitárias, sendo flagradas sem máscara e aglomeradas. Por isso, foi preciso decretar lockdown para evitar mais mortes”, informou.        

As medidas são válidas do dia 5 até 19 de abril.

Acompanhe o Decreto na íntegra: 

O documento determina a restrição na circulação de pessoas entre 23h e 5h nos dias úteis. 

Nos finais de semana, a restrição ocorre entre 18h e 6h nos sábados, domingos e feriados. 

No entanto, o deslocamento até farmácias e também para buscar atendimento médico está liberado. Outra exceção é para o transporte de cargas.

Supermercados podem funcionar entre 6h e 22h em dias úteis e das 6h às 17 nos fins de semana e feriados.

Restaurantes podem funcionar somente nos dias úteis, respeitando a taxa de ocupação de 50% de capacidade, entre 6h e 22h. Delivery está permitido todos os dias, durante as 24 horas do dia.

Flutuantes, balneários, parques aquáticos e cachoeiras podem funcionar entre 8h e 17h em dias úteis, respeitando o limite de 50% de capacidade de público. Aos sábados, domingos e feriados, o local deve ficar fechado.

Distribuidoras de água e gás de cozinha estão liberadas para abrir entre 6h e 22h.

Farmácias e postos de combustíveis podem abrir durante 24 horas. Lojas de conveniência nesses locais podem abrir entre 6h e 22h.

Lojas em geral do comércio de rua e galerias podem funcionar somente em dias úteis, entre 8h e 22h.

Podem funcionar também bancos, serviços de cartório, advogados, floriculturas e escritórios em geral, entre 8h e 22h, com capacidade de 50% de ocupação.

Academias e similares podem funcionar de segunda a sexta, entre 6h e 22h. Bem como igrejas e templos religiosos, também somente em dias úteis.

Hotéis e pousadas podem funcionar todos os dias, incluindo seus restaurantes e áreas de lazer.

Salões de beleza, clínicas de estética, barbearias e similares podem funcionar entre segunda e sexta, de 8h a 22h.

ATENÇÃO: Estão proibidos eventos, reuniões e festas, como formaturas, aniversários e casamentos, independentemente da quantidade de público.

Tags