image


Amazon Immersion

Festa tinha o objetivo de 'tornar seres humanos melhores'

Os turistas estrangeiros e do país detidos numa embarcação de luxo, em Manaus, assinaram um TCO e vão responder em liberdade
image Crédito: Divulgação
Fonte: Da Redação - Há 1 semanas

A festa "Amazon Immersion" realizada por produtores europeus que tinha 60 pessoas em uma embarcação luxuosa, sendo 20 estrangeiros, era um pacote turístico com direito a cinco dias de música eletrônica, passeio com os botos, degustação da culinária regional, e passeio nas tribos indígenas para rituais e danças, no rio Negro. O valor era pago em dólar, que chegou a custar entre R$ 6 mil a 11 mil.  

No convite da festa, os organizadores chamam os turistas para conhecer o Amazonas e "se tornarem seres humanos melhores".

“Nosso objetivo é celebrarmos juntos, aprender sobre a cultura local, viver novas experiências e nos tornarmos melhores humanos", diz texto.

O evento descumpre as medidas sanitárias contra a Covid-19 e os envolvidos irão retornar para seus países ou Estados, onde poderão ser intimados a responder pelo crime nacionalmente.

Os organizadores do evento, que não tiveram as identidades reveladas, assinaram um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e irão responder ao processo em liberdade. Os nomes de todos os envolvidos não podem ser divulgados para não atrapalhar os trabalhos policiais.

A organização do evento afirmar ter liberação da embarcação na capitania dos portos para navegação e que o barco é regularizado e devidamente cadastrado. Ao Portal Norte de Notícias, a direção do Porto de Manaus não quis se pronunciar.

 

Com informações do UOL

Tags